terça-feira, 24 de junho de 2008

Necessário

E se você não existisse?
Se não me amasse?
Como eu seria, do que sobreviveria?
Pelo que me entregaria. Pelo que me daria
Não existiriam motivos para abrir os olhos todas às manhãs
Se você é meu respirar, por favor, não me sufoque
Apenas me ensine a sobreviver sem teu acalantar
Me faça dar um paço após o outro sem me segurar
Mostre-me o caminho sem avisar dos riscos
Preciso saber que mesmo sem teu amor, sobrevivo.
Mesmo sem tua ilusão eu sonho

Luciano Fabre

36 comentários:

Adriano Veríssimo disse...

Nossa!!! Sofri algo agora...talvez uma catarse...Isso é parte da vida de qualquer ser humano, que sofre por que ama, e ama sabendo que sofre...

Muito bom texto, mto bacana teu espaço!

Voltarei outras vezes, se me permitires, ao seu canto...rs

= )

Tudo ou nada ... disse...

=D Adriano - ter sua presença aki é muito legal e importante rapaz, afinal de contas pessoas como vc, com sua alma e aura são sempre muito bem vindas.
Abraços

Adriano Veríssimo disse...

Obrigado pela recepção meu querido Luciano! Estarei sempre por aqui sim, sem duvida alguma...

E estou linkando seu canto, afinal o que é bom é necessário compartilhar.

Grande abraço queridão!

= )

Crazy Silly Poet disse...

Aprendemos que mesmo que eu morra, as flores aidna desabrocharão, as arvores ainda frutificarão, a chuva ainda regara a face da terra... Então será q sou necessário ao mundo? ao mundo não sei, mas espero que ao menso faça falta a poucos certos alguéns.. rs

mto bacana o poema, parabéns Luciano...

Tudo ou nada ... disse...

;) Flávio - o que dizer quando a resposta vem no formato de um novo poema?! é só apreciar né! rs
Valeu Flávio, vc é gente fina pra caramba e de quebra escreve como ninguém.
Abração

Francine Esqueda disse...

"Mostre-me o caminho sem avisar dos riscos"...
Adorei esta frase.... Nada melhor que ter opçoes caminhos certos e aprender sozinho, amadurecer e adquirir experiencias...
Sempre é tempo... nunca é tarde para mais conhecimento e aventura!
Um super Beijo

Vinícius Aguiar disse...

Lindo texto, linda declaração. O amor é assim, entrega total... e pra mim só vale se for entrega MESMO... parabéns!

F. disse...

amor é bom mesmo com essa dose de sofrimento, né?

Beijos!

:: Daniel :: disse...

"Eu que já não quero mais
Ser um vencedor
Levo a vida devagar
Pra não faltar amor"

Abração!!!

Fernanda Perrú disse...

eu queria conseguir me expressar como vc se expressa nos seus poemas!

lindo!

bjks!

Crazy Silly Poet disse...

fala meu amigo.. rs, esses poemas são antigos... rsrs, eu só estou colocando no blog mesmo... rs

poxa, cade, te mmsn? add ae filemalpassado@hotmail.com

valeu amigo.. sorte

Tudo ou nada ... disse...

=) Francine - concordo com vc moça, nunca é tarde para nada
Bjos

:) Vinicius - com certeza o amor só é valido quando a entrega for total e incondicional
Abraços

;o) F - amar é dor, é sofrer, mas principalmente é se entregar de corpo e alma.
Bjos

=) Daniel - vc como sempre usando seu potencial para nos insentivar. Gosto disto.
ABraços

;o) Fernanda - é só começar minha amiga, depois o dificil é parar rs
Bjos

:o) Flávio - antigos ou não são muito bonitos, romanticos. Tenho certeza que estava apaixonado na época rsr... meu msn é lucianofabre@hotmail.com, mas uso tbm o talk do gmail q é luciano.fabre@gmail.com. Fiquem a vontade para add meus amigos
Abraços

camila disse...

"Se eu não existisse?"
Que pergunta instigante!
Fiquei pensando... pensando... mas não consiguirei descrever com palavras minha reposta para tal pergunta! É uma complexa resposta!
beijo
=)

Amei o texto

Ludmila Prado disse...

completamente masculino esse seu texto, sabe, tento entender porque os homens precisam tanto de distancia das mulheres assim.
tudo bem que todo mundo precisa de espaço,liberdade, lógico, esse é o mair segredo de um bom relacionamento, + sei lá.

ah ti add no msn.
quem sabe num ti encontro um dia por la pra gente pater um papo.
beijos

Zek disse...

Rapaz , que texto profundo ... simples, completo e capaz de cativar os olhos !!

Parabens.......

Linny. disse...

vc consegue me fazer ter lagrimas nos olhos, lu te amo.

Carol disse...

Se não existisse vc não sentiria falta... credo que resposta mais fria! (Brincadeira!)

Estamos em um momento romântico do ano... todo mundo parece estar se apaixonando!

Um beijo

AVESSOS disse...

muito lindoooo abracos. Mesmo sem tua ilusão eu sonho, me vejo nessa parte

Tudo ou nada ... disse...

:) Camila - é de perguntas instigantes que se consegue respostas ao pé de orelha rssrs.
Bjos

:> Ludmila - ai ai ai hein!!! nada de masculinidade não amiga, é que as vezes me pergunto como seria minha vida sem todos (amigos, namoros, família etc...)sou muito dependente ainda rs. Quando estiver online com certeza nos falaremos sim.
Bjos

;o) Linny - é fácil fazer isto com quem é sensível como vc minha amiga. Te amo tbm e te quero muiiiiiito bem.
Bjos


=D Carol - me fez rir com a resposta, pq é super lógica rsrs ... eu por enquanto ñ estou apaixonado, mas quem sabe né rs... parece que minha veia para escrever tende a ser melancólica e apaixonada, sempre escrevo sobre amores, paixões etc... quem sabe um dia eu aprendo rsrs
Bjos

:o) Avessos - rapaz temos que viver, ou melhor, sobreviver a tudo e a todos, então ... viva a vida.
Abração

Profº. Eric Frantto disse...

No ano 538 d.C.o papado ganhou força toatal sobre o mundo cristão. Naquela fatia não tão doce da história, quem seguai os regimentos aracaicos e biblicamente errôneos da "Santa e amada Igreja", era considerado herege' e por conta disso deveria ser punido, mas uma classse distinta, os Valdenses, per,maneceram fiéis ao que criam, inclusive foi o primeiro povo a obter cópias das escrituras sagradas(Bíblia).Eles, estavam dispostos a qualquer sacrifício pela sua fé. E teu post me fez lembrar um pouquinho dessa galerinha.Olha só como voc estava inspirado às '09:26':
"E se você não existisse?
Se não me amasse?
Como eu seria, do que sobreviveria?
Pelo que me entregaria. Pelo que me daria
Não existiriam motivos para abrir os olhos todas às manhãs"...

Abração, maninho!!!

Danielle Ribeiro disse...

Hahahá!Estou fazendo um blogueiro feliz!(comentando)Gostei disso...Acho que vou copiar,enfim.
Gostei do blog,garoto romantiquinhu...rs
bjs!

Karina Pacheco disse...

Se não existisse...... ai... seria a pior coisa que aconteceria...
pq o amor é tudo!

Ludmila Prado disse...

tão tah!
sabe como vai se sentir? ainda + sozinho, precisamos dessas pessoas ao nosso redor.
+ entendo as vezes quero muito minha liberdade, ser independente.

beijos

Paulo Vilmar disse...

Lu!
Que poetar mais belo, meu amigo!
Abraços...

Davi Arloy disse...

Gostei do terceiro verso. Do que sobreveviamos sem nosso amor hein!?

http://calcajeansehavaianas.blogspot.com/

Luifel disse...

Kra, ja tava sentindo falta desse lugarejo aq, mas to de volta....hehe

É amor é isso mesmo, entrega e dedicação total, se não for dessa forma, num é amor é qualquer coisa que tenta imitar de forma bastante imperfeita o que vem a ser o amor...

Abç kra, seus poemas são muito bons!

Adriano Veríssimo disse...

Passando tb pra dizer "OLÁ!"

rsrs

Soh vc msm queridão!

Abração

Tudo ou nada ... disse...

=D Eric - faço da vida uma eterna inspiração.
Grande abraço tbm

;> Danielle - muito legal né! com certeza fez um blogueiro feliz sim, e vou retribuir isso.
Bjos

:) Karina - levantemos um brinde todos os dias ao amor, ele e nós merecemos muito.
Bjos

;o) Ludmila - menina menina .. vc anda muito má comigo hein!! rsrs
Bjos

:O) Paulo - o poeta nada mais é que o reflexo de seus poemas, por isso somos tão bons rs
Abraços

;) Davi - provavelmente nem existiríamos sem o amor.
Abraço

=D Luifel - sumiu mesmo viu, fez falta. Ah o amor as vezes é discutível, as vezes ñ, o amor é enigma puro.
Abraços

=) Adriano - olá aceito meu amigo rsrs... apareça sempre viu.
Abraços

Little Girl/ Paula Luisa disse...

Pô Luciano, na tristeza que eu me encontro, quando li seu post ( necessário ) faltou pouco eu pegar uma toalha e secar minhas lágrimas. Hehehe
Beijos.

Tudo ou nada ... disse...

=D Paula - mas lembre-se q "o choro pode durar uma noite, mas o riso vem ao amanhar" Bíblia Sagrada
Bjos

Francine Esqueda disse...

Obrigadissimo pelos simpáticos comentários...
Tudo ou nada???
Ou gostamos ou não gostamos... Estou hiper contente em saber que curtiu a cara do meu blog!!! Para mim, isso valeu como tudo!!!

Beijos no coração!

Vinícius Aguiar disse...

Olha só, tem um presente pra vc no meu blog... passa lá!
Abç!

- renata disse...

perfeito. *-*

Tudo ou nada ... disse...

=D Francine - criar este blog foi a melhor coisa que já fiz (internet), me proporciona conhecer agradáveis pessoas sempre. Vc foi uma destas agradáveis surpresas.Obrigado.
Bjos

;o) Vinícius - obrigado meu caro, vou lá conferir e tomar posse do meu presente rs
Abração

:> Renata - que bom que tenha gostado gatinha, fique a vontade para voltar sempre.
Bjos

Débora Schuab disse...

se voce nao existisse, e se nao me amasse? certamente haveria um buraco frio, escuro, cheio daquele amor que existiu unicamente dentro da minha ilusao.....voce seria apenas um amor que a vida nao me dera a chance para vive-lo...Inevitavelmente eu sempre cairia dentro desse buraco onde seria o espaço a ser ocupado por voce, por tua luz, por teu amor, pelo teu jeito de ser.
sua existencia é sim necessaria para que haja muito mais que um triste vazio.
bjussssss Luciano....lindo poema...sou sua fã
http://dojeitoqueeusou.blogspot.com/

Tudo ou nada ... disse...

=) Débora - vc escreve muito tbm, gostei do seu jeito de ser e escrever.
Obrigado por esta sempre por aki
Bjos